sábado, 3 de março de 2018

Encontrada placenta gigante boiando no Oceano


O oceano continua surpreender: enquanto percorriam a região costeira do Havaí, nos Estados Unidos, membros da ONGPacific Whale Foundation encontraram um material branco e sinuoso boiando no oceano. Poderia até ser uma sacola plástica gigante ou outro tipo de dejecto descartado por humanos. Mas um olhar mais atento indicou algo muito mais interessante: essa seria uma placenta de uma baleia jubarte que acabara de nascer. Especializados em preservar as baleias nos oceanos, os membros da ONG recolheram amostras do material e levaram para uma análise em laboratório. Antes da confirmação por meio de testes, entretanto, os pesquisadores estão confiantes na descoberta: ao realizarem uma comparação com imagens do registo do nascimento de uma baleia jubarte que aconteceu em 1994, o formato e tamanho da placenta eram os mesmos. Considerado um achado "raríssimo" pelos especialistas, o achado ajuda a entender os comportamentos das baleias que vivem próximas ao Havaí. Investigadores afirmam que é comum encontrar exemplares de filhotes na região, o que reforça a importância de preservação do local. Com o nome científico de Megaptera novaeangliae, a baleia jubarte pode ter até 40 toneladas e alcançar 17 metros de comprimento. Presentes em todos os oceanos do planeta, esses mamíferos marinhos chegam a percorrer mais de 25 mil quilómetros durante seu processo migratório. Proporções superlativas não poderiam ser diferentes durante o nascimento desses animais.
Fonte: Galileu

Sem comentários:

Enviar um comentário